Uma familia muito cruel


Uma familia super unida que não mede esforços, mas trabalha diuturnamente no afã de desestabilizar e destruir a sociedade.Sua ação deletéria se faz sentir em todas as camadas sociais. Ela vem em tom de brincadeira e assume o seu posto, impregnada de fantasias e boas intenções.Acena com facilidades, ganhos e sucesso rápido e assim atrai milhões de incautos prendendo-os em sua teia perigosa e multicor. Passado esse estágio, vem a realidade sempre amarga, cruel e impiedosa.

Fumo, álcool e drogas – não necessariamente nesta órdem – formam esta familia sádica e desumana. Todos os componentes atuam em conjunto minando a saúde, afetando o caráter e tornando os seus dependentes reféns, que aos poucos vão sendo acorrentados e algemados sob promessas de auto-afirmação e muito sucesso. Uma brincadeira (na verdade, um pesadelo) que por fim toma conta da pessoa e tem um desdobramento de extremo sofrimento.

Tudo é possível e acontece pouco a pouco de forma programada e crescente. A primeira experiência, em geral, é dolorosa e causa náuseas e repugnação. Aos poucos, entretanto, a pessoa vai se acostumando, gostando e por fim se viciando.Muitos começam a fumar por brincadeira ou simples passatempo, sem imaginar a realidade que os espera. Com o álcool acontece a mesma coisa, ou seja, a pessoa começa a beber doses socialmente, como se diz. Com o tempo, o organismo pede doses maiores e eis que em pouco tempo está pronto um novo alcoólatra, um doente muitas vezes incurável.Tanto num caso como no outro, o ideal é não começar.Todavia, se você já começou talvez ainda haja tempo de parar.

O fumo mata, reduz o usuário a um monte de ossos afetado pelo cancer ou outra doença fatal.No Brasil, morrem mais de 200 mil pessoas por ano, segundo dados do Miistério da Saúde, por doenças provocadas pelo fumo. No mundo, morrem mais de 3 milhões de pessoas por ano, segundo dados da Organização Mundial da Saúde. O que o leitor acha destes números? O alcoolismo mata diariamente, principalmente em acidentes de transito ou em brigas de bar ou entre vizinhos. Sabe-se que a pessoa alcoolizada perde a coordenação e a noção do perigo ou da razão e se torna um matador em potencial. O que dizer das outras drogas que praticamente tem dominado o mundo?Elas se transformaram no maior pesadelo do mundo e tem subjugado milhões com uma ação destruidora sem paralelos na história da humanidade. Os governos promovem cruzadas antidrogas, instauram CPIs do narcotráfico, entretanto esa peste se alastra em todos os segmentos da sociedade, principalmente entre os mais jovens. Este é o maior desafio deste século.

Amigo leitor, quando esta familia bater à sua porta, diga não. Deixe-a para fora da sua casa. Não atenda, não receba, não ouça as suas insinuações. Fumo, álcool e drogas não devem fazer parte de nossa familia, afinal, somos uma familia cristã, consciente, saudável e feliz.

Diga não a esses impostores. Diga sim à liberdade e à vida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s