Tire seu Cérebro do sofa, faça ele caminhar.


‘’O que busca, encontra’’ diz o versículo. E como não encontrar se isto é uma condição natural do cérebro humano? Preencher os espaços vazios para nos dar ‘’claridade’’ nos momentos de dúvida ou incertezas diante do desconhecido. 

Mas ao buscar, realmente encontramos o que buscamos? Porque de acordo com alguns estudos científicos, nosso cérebro nos mostrará o que queremos ver, já que sempre partirá de um modelo limitado por nossa percepção, ou seja, sobre uma expectativa particular. Assim, em vez de buscar um mundo de possibilidades, busque o que quer, mas consciente disso.

Na verdade, nos acostumamos a esse exercicios de buscar e encotrar. Penso que está aí a decadência de nosso sistema educativo. Vamos à escola para sermos preenchidos de informações, como sacos vázios, que necessitam serem preenchidos e assim, nossa capacidade de maravilharmos e, ou surpreender falece. Literalmente nos matam a vontade de saber, pois se cria um exercício monótono e chato e esse exercicios nos segue por toda a vida.

Esse exercicio de buscar para encontrar em diversas situaçoes hoje em dia, necessita de um giro de 180º, necessista de um novo enfoque: ‘’deixar de buscar para encontrar e começar a buscar para descobrir’’

Encontrar não é o mesmo que descobri. Etimologicamente, encontrar significa ‘’ ir, sair ao encontro’’ e efetivamente isso não é o que fazemos, vamos em busca de algo que já sabemos, pelo menos, conscientemente. Por outra parte, descobrir, etimologicamente quer dizer ‘’ descobrir algo que estava oculto’’. Diante dessa perspectiva,vamos em busca de algo que não conhecemos e isso abre uma infinidade de possibilidades.

Como vê, existe uma grande diferença entre buscar para encontrar, que buscar para descobrir. Nesse enfoque de sua busca é onde mora o resultado. Por exemplo, se você está buscando ‘’encontrar’’ paz, harmonia e felicidade em sua vida, quano os encontra, verá que esses sentimentos são efêmeros e continuará buscando, se tornará um eterno ‘’buscador’’ encontrando-os e se dando conta que sempre está faltando algo a mais. Mas se ‘’descobre a paz, a harmonia e a felicidade essa busca acaba.

A grande maioria das coisas que conhecemos hoje em dia foram descobertas e não encontradas, caso duvide, pergunte a Cristovão Colombo (aquele que ‘’descobriu’’ a América…)

Abramos pois a nossa mente a novas possibilidades, a novas informações, sejamos flexiveis e aceitemos que ainda que não saibamos ou não creamos em algo, isto não quer dizer que algo não exista ou não pode ser possivel. O que busca para encontrar busca no lado de fora, o que busca para descobrir busca do lado de dentro, busca com sua alma. Então, não te limites a encontrar, melhor, abra-se para descobrir, porque assim, reforçará sua essência criadora. Se descobrir que ‘’a mundança é você’’ descobrirá que a vida esta plena de infinitas possibilidades.       Paz e bem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s